segunda-feira, 4 de junho de 2007

Refrigeração Residencial


Substância termométricas:

A precisão de um termômetro depende da substância termométrica empregada no seu sistema de medição.

Substância termométrica é qualquer substância , cujas propriedades físicas ou elétricas variam uniformemente com a temperatura.

Algumas características fazem com que o mercúrio seja considerado uma boa substância termométrica:

A dilatação e contração homgênia;
O elevado coeficiente de dilatação;
A faixa de trabalho que vai de - 39°C a 357°C.
Apartir da dilatação e contração destas substâncias termométricas , é possível estabelecer uma grandeza termométrica para avaliar a temperatura.

Funcionamento do temômetro:

Com exceção dos eletrônicos , todos os termômetros são construídos segundo o princípio de que , adicionando calor em um corpo , ele se expande ; e quando o calor é removido , ele se contrai.
Dependendo da quantidade de calor que se aplica a um corpo sólido , líquido ou gasoso , seu volume aumenta devido á mobilidade e ao maior espaçamento intermolecular . Este fenômeno é chamado dilatação.

Tipos de termômetro e suas aplicações:

Termômetro tipo globo – usado para medir o calor radiante em ambientes industriais de altas temperaturas.

Temômetro tipo capela – usado para medir temperatura em máquinas .

Termômetro de máxima e de mínima – usado para medir temperaturas em estações meteorológicas.

Termômetro de insolação – usado para medir intensidade da radiação solar.

Termômetro clinico – usado para medir temperatura em pessoas e animais.

Os termômetros mais usados em refrigeração são do tipo metálico, e expansão a líquido, a gás e eletrônico.

Termômetro metálico
– usado para medir a temperatura em salas climatizadas ou a temperatura do meio ambiente.

Termômetro de expansão a líquido tipo lapiseira , com protetor metálico e presilhas para fixar no bolso – para uso geral em refrigeração é o tipo mais comum.

Termômetro de expansão a gás , de uso fixo ou estacionário – empregado em câmaras e balcões frigoríficos.

Termômetro eletrônico digital ou analógico de alta sensibilidade – é prático , preciso , flexível , de fácil utilização e de resposta rápida.

Cada termômetro tem um grau de precisão adequado á sua aplicação .

A classe de precisão dos termômetros digitais , por exemplo , gira em torno de 0,5% o que significa uma tolerância mínima de erro de 0,5% em relação á medida exata.
Já uma varição de 0,5°C a 1°C na medição da temperatura ambiente pode ser tolerada , pois não provoca alterações ambientais significativas.A classe de precisão dos termômetros bimetálicos de uso geral gira em torno de 2% de tolerância de erro.


texto do curso de refrigeração Senai/Alagoas prof. Nelson

Nenhum comentário: